Maison

O COLECTIVO

Todos temos competências para fazer algo fantástico, por isso, a Lance Collective tem uma equipa. Mais do que pessoas, são freelancers que acrescentam sempre mais valor a todos os trabalhos. Assim, temos uma equipa, um grupo de trabalho que discute e participa nos trabalhos que temos em mãos.

Mónica Aragão

Copywriter

Hello! Bonjour! Eu sou a Monica, nasci em França, cresci e aprendi muito daquilo que sou e sei hoje em Toronto, no Canadá – a cidade do meu coração. Mas Portugal também cá está há muitos anos e aqui também me sinto em casa. Foi na Universidade do Minho que estudei Comunicação Social e, depois de ter experimentado e trabalhado com vários tipos de escrita –publicidade, editorial, rádio e web – trabalho actualmente como redactora, copywriter, editora e tradutora freelancer. Acho que a escrita me corre nas veias… escrevo desde que aprendi o ABC e descobri o maravilhoso mundo dos cadernos novinhos em folha. Passo os dias rodeada de livros, das minhas máquinas de escrever vintage, cadernos e agendas, chocolate e café. Já tenho um filho, já plantei uma árvore, só me falta escrever um livro.

Daniela Sousa

Fotografia, Daniela Sousa Photography

Olá! Sou a Daniela, sou apaixonada pelas coisas mais simples, mas foi um grande amor, que me fez trocar de vez, o marketing pela fotografia. Licenciada em Comunicação Empresarial e com alguns anos dedicado à area de marketing, depressa percebi que era 100% feliz junto a uma máquina fotográfica, junto a pessoas e emoções. 2015 foi o ano mais desafiante da minha vida, apesar de já ser fotógrafa há bastantes anos, decidi dar um salto de fé e dedicar-me a 100% ao meu projecto pessoal. É o meu maior orgulho e não me canso de o contar vezes sem conta. Com um grande sorriso, posso dizer que sou Feliz!

Rita Quintela

Fotografia, CV Love

Eu sou a Rita, a minha vida profissional começou como Engenheira do Ambiente de formação, mas Fotógrafa desde sempre, de paixão e coração. Sempre me habituei a andar acompanhada de uma máquina fotográfica, muito por influência dos meus pais, mas foi em 2010, quando me casei que recebi a minha primeira máquina fotográfica reflex Canon. À medida que fui desenvolvendo trabalhos, comecei a perceber que a área de fotografia que mais me fascina e completa, é precisamente aquela que inclui pessoas, famílias e crianças, e os sentimentos de carinho, amizade e amor entre eles sempre que possível no meu “cenário” predilecto, que é o exterior e a luz natural.